quarta-feira, 17 de maio de 2017

Os desertos nos trópicos – o erro nos mapa-mundis

Mapa Mundi mostrando as verdadeiras zonas em paralelos. Mapa construído a partir do mapa mundi em relevo e vegetação Envisat - ESA.

Quando você estudava na aula de geografia sobre a partição do mundo em linha do Equador e Trópicos você estava sendo enganado da mesma maneira que achava ser o Hemisfério Norte maior que o Sul na antiga definição de Mercator.

Trópicos estão errados

Pela avaliação do clima, porcentagem de UV, desenvolvimento vegetal e animal, desenvolvimento humano e áreas desérticas ou em processo de desertificação; podemos tirar por base que os verdadeiros trópicos estão nos paralelos 15º e não mais no 20º como costuma ser colocado, mesmo assim podemos continuar os utilizando sem grandes problemas, porém o paralelo 15º nos oferece maiores respostas.

Entre os paralelos 15º e 50º:

* Estão os desertos;
* A baixa vegetação (menos florestas e mais estepes);
* Estão os países mais bem temperados;
* Se encontram as nações mais ricas e também mais desiguais do mundo.


Entre os paralelos 15º e 15º:

* Estão as grandes florestas equatoriais;
* A grande diversidade biológica do mundo;
* E o clima mais quente possível.


Países de clima frio = nações mais desenvolvidas do mundo
Os tipos de clima e sua influencia no desenvolvimento vegetal, animal e humano. Notamos que as zonas mais desiguais são aquelas em países temperados. Imagem montada a partir do Envisat - ESA.

As únicas exceções são as nações que sofreram com ditaduras na segunda metade do século XX (20), ou seja, no inicio dos anos 50 e fim nos anos 90 e aí temos Rússia, Cazaquistão, Países Bálticos, Chile e Argentina.
No resto o desenvolvimento notável dos países nórdicos e Canadá só é afetado pela porquice dos ingleses e irlandeses.

Notável também é que em volta do paralelo 50º temos uma vegetação bem condicionada que só é deixada pra trás pela vegetação equatoriana que se encontra entre os dois paralelos 15º.


Desertos entre os paralelos 15 e 50

O mais notável são os desertos que estão entre os paralelos 15º e 50º, isso interfere no desenvolvimento humano, já que o homem necessita da vegetação tanto para agricultura como para pecuária.

Talvez o motivo principal da zona equatorial não ser tão desenvolvida esteja no fato de ser uma zona muito quente e mais própria para a matéria vegetal do que animal.


Na climatologia

Essa crença em definir o clima em apenas 3 é tosca, mas ajuda a entender mais facilmente a influência da luz do Sol no mundo e seu efeito climático. As zonas temperadas são como uma casa com laje, cujo efeito do clima só é sentido ao entardecer e no amanhecer; enquanto as zonas frias e zona a quente são como casas de madeira que esfriam ao anoitecer e esquentam ao amanhecer por causa da influência do Sol.


O mais tosco, disso tudo, é acreditar nos trópicos de Câncer e Capricórnio, assim como aqueles que acreditavam que a definição de Mercator estava correcta (sic)!