terça-feira, 5 de novembro de 2013

Ariano ou proto-indo-europeu? Qual é o nome certo?

Mapa mostrando a distribuição das línguas indo-européias

Créditos da imagem: LINK (CLIQUE PARA VER)


O nomes indo-europeu e proto-indo-europeu foram criados por linguistas europeus quando começaram a notar a semelhança, sobretudo, entre o sânscrito (língua da Índia) e o latim. A partir daí começou um enorme estudo e se descobriu uma ligação incrível: a ligação entre algumas línguas asiáticas e línguas europeias.

Surgiria a partir daí o termo indo-europeu. Mais tarde pesquisando mais e mais linguistas descobriram uma língua mais antiga que seria uma das fontes das línguas europeias modernas, chamaram então de língua proto-indo-européia.

Alguns estudiosos fizeram a confusão de chamar os proto-indo-europeus de arianos, termo esse que foi adotado pelos nazistas mais tarde na sua mania de raça superior. Bom, de fato o termo ariano não é errado, mas se tornou tabu depois da loucura nazista. 

Com o avanço da antropologia se descobriu melhor sobre os arianos e como eles se espalharam. Contudo o termo ariano não é totalmente errado, mas também não é totalmente certo. Uma vez que os indianos falavam dos árias, um povo que veio do norte e que submeteu a Índia numa sociedade de castas, aliás, nomes como aristocracia provém do termo ária (nobre).

O termo ariano fala de um subgrupo que chegou a Ásia e que outrora fez parte de um único povo, os proto-indo-europeus. Então no meio linguístico e antropológico o termo ariano é errado, porque cita um povo indo-europeu e não o povo antigo em si, ou seja, o termo é usado para definir um povo de origem indo-européia e não o povo inicial, conhecido como os proto-indo-europeus.


O termo proto-indo-europeu é o mais correto?

Não, primeiro porque o próprio nome é arcaico e errôneo. Naquela época, por volta do século 19, estudou-se a semelhança entre línguas europeias e o sânscrito, daí surgiu os dois nomes: indo-europeu (indo= Índia, europeu= da Europa) e proto-indo-europeu (proto= primeiro, indo= Índia, europeu= da Europa).

Mas os indo-europeus não habitaram somente a Europa e a Índia; eles chegaram ao oriente médio, deram origem aos persas e aos hititas e chegaram também na região de Xinjiang na China.

Os termos indo-europeu e proto-indo-europeu são arcaicos e errôneos sem dúvida!


Qual termo usar para definir os proto-indo-europeus ou indo-europeus?

Com base no lugar em que os arianos tiveram origem (tiveram origem na estepe pôntica) e viveram e dando importância a sua primitividade (eram um povo indígena praticamente, não havia se misturado com outros povos ainda; indígena nesse aspecto é o que defino como isolamento genético e geográfico) criei dois termos a fim de facilitar o trabalho de historiadores, antropólogos, linguistas e qualquer outro historiador nessa área.

Dando importância sobre tudo num mais curto e mais fácil do que o nome ariano, que de certa forma é errôneo e lembra o misticismo nazi.

O nome que criei pra definir esse povo é:

EURAI

Não precisa ser escrito em maiúscula, uma vez que não é uma sigla, mas sim um nome de origem.

EURAI significa:

E – Europa
U – Ucrânia
R – Rússia
A – Ásia
I – Índia

O nome dá ênfase nos lugares onde esses povos começaram.


O nome eurai deves ser usado quando se falar de povos indo-europeus na linguística! Já que demonstra a Ásia e a Índia últimos lugares onde os arianos chegaram.

Já quando se falar de proto-indo-europeus pode se usar apenas o nome: euri.

EURIS

E= Europa
U= Ucrânia
RI= Rússia
No plural fica euris.

Tanto euri como eurai são corretos, mas de forma geral o termo mais correto a ser usado, até mesmo de maneira ampla principalmente em antropologia e história, é o termo eurai.

Já na linguística e arqueologia eurai e euri fazem a diferença na classificação de cultura e língua.